Voltar

IGAC BATE RECORDE NA APREENSÃO DE FICHEIROS MUSICAIS ILEGAIS

Na madrugada de sábado, inspectores da Inspecção-Geral das Actividades Culturais (IGAC) e agentes da Polícia de Segurança Pública de Vila do Conde e Póvoa de Varzim efectuaram inspecções a estabelecimentos de diversão nocturna naqueles dois concelhos nortenhos, com o intuito de combater a utilização ilegal de obras musicais.

 

Como resultado da operação, foram lavrados 12 autos por infracção ao Código do Direito de Autor e Direitos Conexos, tendo sido apreendidas 761 cópias de CD, 3 computadores e um disco externo, equipamentos estes com cerca de 72.800 ficheiros musicais.

 

Foi a maior apreensão de sempre efectuada pela IGAC em termos de ficheiros musicais ilegais, valor que ultrapassou a totalidade dos apreendidos em todo o ano de 2008.

 

Noutras operações efectuadas no fim-de-semana, a IGAC e a PSP apreenderam 962 cópias de CD e DVD na feira semanal de Rio Tinto (Gondomar) e 1.600 cópias na feira mensal de Cerdal (Valença), sendo que esta foi efectuada em conjunto com a G.N.R.. Nestas duas operações foram autuados nove vendedores de pirataria.